Livro: As cinco linguagens do Amor

sexta-feira, 12 de junho de 2009




Só para constar, este não é um publieditorial. Eu tenho essa característica de ler ou de gostar de algo (receita, livro, filme) e sair falando para todo mundo como é bom, maravilhoso e talz. Coisa minha. Eu ganhei este livro da minha mãe ontem. Aliás, nós ganhamos, eu e o P.A. com direito a dedicatória para o casal. Huuum, me senti tão chique. Primeiro item com dedicatória para o casal. Ok, vamos ao que interessa.

O livro explica algo que não nos damos conta no cotidiano: expressamos amor de maneiras diferentes. Há pessoas que expressam seu amor através de elogios e palavras de incentivo, outras através de toque, outras através de atos singelos como fazer o jantar ou lavar a louça. Enfim, o livro explica mais o menos o seguinte: em termo de amor temos que ser poliglotas. E daí você me fala: O que as aulas de inglês vão melhorar meu relacionamento? Nada, de fato, a menos que seu respectivo seja estrangeiro =)

Na verdade, o autor do livro explica que o amor tem cinco linguagens básicas. E que cada pessoa, não só comunica seu amor de maneira diferente da outra, como interpreta também. Se por exemplo uma pessoa que só entende inglês, tentar conversar como uma que só entende alemão, não teremos uma boa transmissão da mensagem concorda? Da mesma forma, se o nosso respectivo tem uma linguagem do amor diferente da nossa, no início tudo consegue ser contornado, mas com o tempo, quando a paixão esfria e chega o momento de ter um relacionamento mais maduro com maior participação do comprometimento e do amor na pirâmide conjugal, podemos ter problemas para comunicar o nosso amor e entender as formas como o nosso parceiro comunica o seu amor. E essa falha na transmissão e interpretação da mensagem pode levar à errônea idéia de que o amor acabou, quando na verdade, só está sendo mal comunicado.

E o melhor do livro, é que ele demosntra que as linguagens do amor também podem ser aplicadas em ambiente familiar, entre pais e filhos. Aliás, se você consegue perceber qual a linguagem de amor de seu filho e manter uma comunicação boa com ele na infância, pode inclusive evitar muitos problemas futuros, especialmente na adolescência, quando a tendência é dos filhos se afastarem um pouco dos pais, devido a essa lacuna na comunicação do amor.

O livro é excelente. A leitura é extensa (cerca de 230 páginas), porém em nada é chata, pelo contrário é muito empolgante. Comecei a ler o livro hoje às 9:00H e acabei de terminar a leitura (com pausas para almoço, telefone e clientes no período). Super recomendo.

Gary Chapman, autor do livro, é antropólogo americano e trabalha há mais de 30 anos com aconselhamento familiar e conjugal. Chapman bate na seguinte tecla: "o amor não depende exclusivamente das emoções. Amor é o que você faz e diz, não apenas o que você sente". É casado há 45 anos (isso demonstra que seus métodos dão certo).

Clicando na imagem do livro você vai ver outros livros do autor à venda na internet e um deles serve para quem está sozinho no dia de hoje: As cinco linguagens do amor para os solteiros e Esperança para os separados (Afinal, toda panela tem sua tampa e se infelizmente a primeira não serviu, nem tudo está perdido, todo mundo merece ser amado e feliz). Para quem já é casado tem três outros livros do Autor que eu achei muito interessantes estão super em conta, menos de 15 dinheiros: O casamento que você sempre quis ( uma amiga da minha mãe que tinha grilos e traumas sobre relacionamentos leu e amou), Como mudar o que mais me irrita na casamento (tipo deixar roupa largada, né. E o preço dele tá ótimo, menos de 10 dinheiros o.O) , Como lidar com a sogra (esse dispensa comentários, né. Nem todos tem sorte de ter uma boa sogra ou de conseguir se relacionar bem com a sua).

Quem quiser saber mais sobre as 5 linguages do amor e fazer um teste para descobrir a sua, pode visitar o site (em inglês). http://www.fivelovelanguages.com

Até mais.


Share/Save/Bookmark

3 telhas:

Ana Dell' Aquila disse...

Ai, que ótima dica, ando precisando ler, faz tempo que não faço, e achei bem interessante esse livro. Vou comprar! Valeu a dica mesmo!

Natie disse...

Acho que você vai gostar muito Ana. Ele faz até a gente repensar e compreender certas atitudes dos nossos respectivos. Bjoooo.

Anônimo disse...

Esse as 5 linguagens do amor, é so para casados? Ou pais?

Related Posts with Thumbnails